sexta-feira, julho 30, 2021
Outros

    Brasil não resolverá questão ambiental sem resolver social, diz Guimarães

    Em Destaque

    O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, afirmou que o maior desafio do Brasil é resolver as diferenças sociais existentes no País afora. “O Brasil não vai conseguir resolver a questão ambiental sem revolver a questão social. Temos diferença brutal entre as cidades, Estados do Sudeste e o interior do Norte e Nordeste”, disse ele, durante plenária do Ciab, tradicional evento de tecnologia bancária.

    Para o presidente do Bradesco, Octavio de Lazari, o Brasil precisa agir em meio ao avanço da pauta ESG (sigla em inglês para as questões ambientais, sociais e de governança).

    “Obrigatoriamente o Brasil tem de estar inserido uma vez que detém a maior floresta”, ressaltou Lazari. “Temos a maior reserva florestal do mundo. O mundo inteiro nos olha com muita inveja e muita preocupação para o Brasil por conta de seus recursos naturais”, afirmou.

    O lado ambiental, destacou, não tem de ficar fora da pauta econômica. “O País vai crescer a economia, tecnologia, mas precisa de respeito e crescimento da pauta ESG”, acrescentou.

    O Ciab é promovido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) e ocorre entre esta terça e a sexta-feira. Por conta da pandemia, o evento é feito no formato semipresencial.

    Estadão Conteúdo

    Serviços

    spot_img

    Últimas Notícias

    China aperta o cerco a grandes companhias. Veja o impacto para as empresas

    A perseguição das autoridades chinesas às suas empresas mais proeminentes, por meio de novas regulamentações e investigações, infiltrou-se em...

    Golpes em delivery de comida sobem 136%, e Procon-SP quer proibir pagamento no ato da entrega

    O registro de um aumento de 136% nos golpes relacionados a aplicativos de delivery de comida, de janeiro a...

    Veja outras matérias