quarta-feira, janeiro 20, 2021
Outros

    Guedes nega ‘briga’ com TCU e diz que pode fixar meta fiscal para 2021

    Em Destaque

    CEO da fusão entre Fiat e Peugeot fala sobre a saída da Ford do Brasil

    O anúncio da Ford de fechar fábricas no Brasil repercutiu em todo o mercado automotivo. O português...

    Exportação de suco de laranja do Brasil cai 23,5% no 1° semestre da safra 2020/21

    As exportações de suco de laranja do Brasil atingiram 497.490 toneladas de julho a dezembro, primeiro semestre...

    Guedes aposta em vitória de Lira para reapresentar proposta de nova CPMF

    A proximidade das eleições para o comando da Câmara e do Senado, marcadas para 1.º de fevereiro,...

    O ministro da Economia, Paulo Guedes, negou nesta quinta-feira (3) que exista uma disputa entre a área econômica e o Tribunal de Contas da União (TCU) e admitiu, pela primeira vez, que pode ser fixada uma meta de déficit primário para 2021.

    No projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) do próximo ano, enviado ao Congresso em abril deste ano, no auge da pandemia do novo coronavírus, o governo propôs uma meta flexível e variável de déficit primário de 2021. A LDO serve de base para a elaboração do orçamento federal.

    Como as despesas estão limitadas pelo teto de gastos, o governo definiu que a estimativa de rombo fiscal vai variar de acordo com as receitas, ou seja, com o dinheiro que entrar efetivamente no caixa.

    Em outubro, porém, o Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou um alerta ao governo federal sobre a ausência de uma meta fiscal fixa no projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021, em tramitação no Congresso.

    Mais cedo, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, criticou a estratégia do governo de adotar uma meta fiscal flexível no Orçamento e disse que o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre foi “baixo” por causa da “desorganização do governo”.

    Segundo o tribunal, ao não definir esse indicador, o governo afrontará a Constituição Federal e a Lei de Responsabilidade Fiscal.

    De acordo com Guedes, não há nenhum problema entre o ministério da economia e o TCU. “O TCU é um parceiro confiável, está sempre examinando nossas contas, nos ajuda”, disse.

    “Vamos conversar com o TCU sobre isso, de rever as previsões de receitas e aí podemos então anunciar a meta. Não tem briga nenhuma, está tudo certo, o Brasil está voltando”, declarou.

    O ministro disse que, quando o projeto da LDO foi encaminhado ao Congresso, a economia estava em colapso devido à pandemia e que o cenário indefinido dificultava muito a estimativa de receitas para o próximo ano.

    “Então, naquela ocasião, você não podia estimar ainda as receitas. Você tinha que continuar com a meta flexível para o ano que vem, tanto que o próprio TCU tinha se manifestado de que só em 2022 é que voltariam as metas”, afirmou o ministro.

    Em razão da pandemia do coronavírus e de disputas entre os parlamentares, o projeto da LDO de 2021 ainda não foi votado. O presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), marcou para o próximo dia 16 a votação. Com isso, o governo poderá conversar com o Legislativo para retomar uma meta fixa de déficit primário para 2021.

    Fonte: G1

    Serviços

    Profiting faz Road Show para captar 20 Milhões.

    O recurso será investido em empresas associadas visando crescimento em vendas e aumento de produção. O mercado de aquisições...

    Buscamos Empreendedores para parcerias.

    Foto: Moyses Samuel, Presidente do grupo Profiting. Estamos selecionando empresários, em âmbito nacional, que possuam negócios que precisam ser...

    Recuperação de tributos próprios

    Sua empresa pode melhorar o fluxo de caixa se houver créditos tributários nos últimos 5 anos.

    Há sempre possibilidades de melhorias

    "O Brasil possui excelentes profissionais de consultoria. Nesta crise é necessário muita dedicação na busca de soluções para os problemas. Em situações...

    Quanto a minha empresa perdeu de valor na Pandemia?

    Algumas empresas aumentaram seu valor na pandemia. Outras, perderam. É importante saber qual o ganho ou qual a perda nesse momento? A...

    Últimas Notícias

    CEO da fusão entre Fiat e Peugeot fala sobre a saída da Ford do Brasil

    O anúncio da Ford de fechar fábricas no Brasil repercutiu em todo o mercado automotivo. O português...

    Iguá bate o martelo e troca IPO por investimento de R$ 1,1 bi do CPP

    A Iguá Saneamento já bateu o martelo. Nesse momento, vai embarcar na finalização de uma transação para...

    Veja outras matérias