quarta-feira, agosto 12, 2020
Outros

    Mastercard e Visa criam arranjo para permitir transferência via WhatsApp

    Em Destaque

    Amazon vai lançar 3.236 satélites para sua megaconstelação e preocupa astrônomos

    A Amazon vai enviar 3.236 satélites para a órbita da Terra, como parte de uma megaconstelação chamada Kuiper. O...

    “O protagonista do desenvolvimento sustentável na Amazônia será o setor privado, não o Estado”, afirma Mourão

    O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, declarou nesta terça-feira (11) que o setor privado será o “protagonista do...

    BTG deve fazer sua estreia como banco digital de varejo no 4º trimestre

    De casa de trading a maior banco de investimentos da América Latina, o BTG Pactual vai entrar...

    Bandeira de cartão de crédito submeteu o novo modelo de arranjo ao Banco Central

    A Mastercard e a Visa protocolaram no Banco Central um modelo de arranjo de transferência para tentar viabilizar o projeto de pagamentos via WhatsApp no país. A diferença dessa tentativa da anterior é que as bandeiras de cartões de crédito criaram um arranjo de transferência dentro do modelo de pagamento, o que aumentam as chances de aprovação.

    Em linhas gerais, funciona assim: o aplicativo solicita o token (uma chave) para a Cielo dar entrada na transação que é passada para e pelas bandeiras. O novo modelo possui embarcadas as tecnologias da Mastercard Send, plataforma global interoperável que permite o envio rápido e seguro de fundos, e Mastercard Digital Enablement Service (MDES), solução de tokenização da Mastercard que protege as informações do cartão do consumidor e permite transações seguras e criptografadas. Por parte da Visa, a tecnologia usada é a Visa Direct, que permite a transferência de dinheiro de uma credencial de pagamento para outra.

    “Acreditamos que essa seja a maneira mais direta e eficaz de avançar com o projeto e estamos confiantes que o modelo protocolado ofereça os mais altos padrões globais de segurança, interoperabilidade e não discriminação entre os participantes do arranjo pagamento, endereçando as preocupações do regulador”, afirma a Mastercard, em nota.

    Em meados de junho, o WhatsApp anunciou que liberaria seu serviço de pagamentos entre amigos e empresas. Ou seja, os usuários do aplicativo poderiam fazer transferências monetárias entre si e pagar produtos ou serviços, desde que tenham cartões de crédito ou débito do Nubank, do Banco do Brasil e do Sicredi (pelo menos, em um primeiro momento). Já a responsável pelo processamento de pagamentos seria a Cielo.

    O problema é que o BC colocou o projeto em compasso de espera ao determinar que Visa e Mastercard suspendessem o uso do aplicativo para iniciação de pagamentos e transferências. No início de junho, o presidente do BC, Roberto Campos Neto, afirmou que os pagamentos pelo WhatsApp serão aprovados pela autarquia assim que for comprovado que o arranjo proposto é competitivo e tem a proteção de dados na forma que o BC considera adequada. Ele afirmou, durante um evento, que o entendimento da autoridade monetária é que um arranjo que começa com 120 milhões de usuários — base do WhatsApp no país — não é pequeno e, portanto, precisa passar pelo mesmo crivo que outros arranjos.

    Fonte: Exame

    Serviços

    Buscamos Empreendedores para parcerias.

    Foto: Moyses Samuel, Presidente do grupo Profiting. Estamos selecionando empreendedores, em âmbito nacional,  que possuam negócios que precisam ser...

    Recuperação de tributos próprios

    Sua empresa pode melhorar o fluxo de caixa se houver créditos tributários nos últimos 5 anos.

    Há sempre possibilidades de melhorias

    "O Brasil possui excelentes profissionais de consultoria. Nesta crise é necessário muita dedicação na busca de soluções para os problemas. Em situações...

    Quanto a minha empresa perdeu de valor na Pandemia?

    Algumas empresas aumentaram seu valor na pandemia. Outras, perderam. É importante saber qual o ganho ou qual a perda nesse momento? A...

    Pré Auditoria

    A Profiting, utiliza o serviço de Pré Diligência, como procedimento básico para qualquer negociação de venda de uma empresa cliente. Com foco...

    Últimas Notícias

    Amazon vai lançar 3.236 satélites para sua megaconstelação e preocupa astrônomos

    A Amazon vai enviar 3.236 satélites para a órbita da Terra, como parte de uma megaconstelação chamada Kuiper. O...

    “O protagonista do desenvolvimento sustentável na Amazônia será o setor privado, não o Estado”, afirma Mourão

    O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, declarou nesta terça-feira (11) que o setor privado será o “protagonista do...

    Veja outras matérias