terça-feira, outubro 20, 2020
Outros

    Seis grupos estão interessados na compra da CEB; preço mínimo é R$ 1,4 bilhão

    Em Destaque

    Mercado reduz previsão para crescimento da economia brasileira no próximo ano

    Depois de 20 semanas parada em 3,50%, a mediana das projeções do mercado para o crescimento da...

    A origem da Ant, candidata a maior IPO da história, e sua guerra com Trump

    O Ant Group, divisão financeira do gigante chinês Alibaba, é uma das fintechs mais valiosas do mundo,...

    Fontes renováveis já são mais baratas na maioria dos países, diz Bloomberg

    As energias eólica e solar são a forma mais barata de eletricidade nova na maior parte do...

    A Assembleia-Geral Extraordinária de acionistas da Companhia Energética de Brasília (CEB) aprovou o início do processo de privatização da empresa. A reunião aconteceu na tarde de ontem e definiu detalhes da alienação da CEB Distribuição, como o valor mínimo de venda. O preço foi fixado em R$ 1,4 bilhão, resultado final de duas avaliações econômicas contratadas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), e sem levar em consideração terrenos. Ao todo, foram 6.998.430 votos a favor e 1.058 contrários à proposta. O leilão será realizado em novembro pela B3, Bolsa de Valores de São Paulo. Na manhã de hoje, às 11h, acontece uma audiência pública para que a companhia preste informações, e a população possa dar sugestões sobre a desestatização.

    O governador Ibaneis Rocha (MDB) ressaltou, ontem, o interesse dos empresários no negócio. “O valor avaliado pelo BNDES tem a expectativa de chegar em torno de R$ 2 bilhões, até R$ 2,5 bilhões, por ser um bem que é muito cobiçado pelos empresários da área”, afirmou. Para o presidente da companhia, Edison Garcia, os números poderiam ser ainda maiores, mas as dívidas acumuladas reduziram o valor. “Houve a aprovação majoritária para alienação. Votaram GDF, Novacap e um conjunto de acionistas e investidores. A CEB foi avaliada em R$ 2,4 bilhões, mas se endividou e perdeu o valor. A companhia não dá lucro, os números mostram isso. O GDF perde cerca de R$ 900 milhões por conta de ações de gestões passadas. Então, o que poderíamos vender por R$ 2,4 bilhões vai começar com R$ 1,4 bilhão”, enumerou Edison.

    Seis empresas já mostraram interesse pela compra da distribuidora e o fornecimento para 1,1 milhão de consumidores. A maior parte delas é controlada por capital estrangeiro. O valor arrecadado com o leilão será transferido para a CEB Holding, com 80% das ações sendo do Governo do Distrito Federal (GDF) e 20% do mercado. O presidente da CEB avaliou o panorama da empresa debatendo ações que ocasionaram o contexto atual. “Para citar exemplos, há uma dívida da Universidade de Brasília (UnB) que lesou o caixa da companhia por seis anos, ainda de uma época do governo de Cristovam Buarque, que isentava o pagamento de conta de luz, mesmo sendo uma universidade federal, que tem recursos federais. Também tivemos planejamentos do passado em que houve mais compra de energia do que temos capacidade de consumir. Ainda há os custos de pessoal, de serviço”, detalha.

    Levando esses fatores em conta, Edison opina que a privatização pode representar uma retomada de investimentos na cidade e mais eficiência em processos como cobrança e compras. Após a venda, será criada a CEB Iluminação Pública, que vai convocar 100 empregados que estão atualmente na distribuidora para as áreas administrativa e de prestação de serviços. A companhia estima que cerca de 230 mil consumidores deixaram de pagar as contas de luz em dia durante a pandemia, o que gera prejuízo de R$ 120 milhões por mês.

    Fonte: Correio Braziliense

    Serviços

    Buscamos Empreendedores para parcerias.

    Foto: Moyses Samuel, Presidente do grupo Profiting. Estamos selecionando empresários, em âmbito nacional, que possuam negócios que precisam ser...

    Recuperação de tributos próprios

    Sua empresa pode melhorar o fluxo de caixa se houver créditos tributários nos últimos 5 anos.

    Há sempre possibilidades de melhorias

    "O Brasil possui excelentes profissionais de consultoria. Nesta crise é necessário muita dedicação na busca de soluções para os problemas. Em situações...

    Quanto a minha empresa perdeu de valor na Pandemia?

    Algumas empresas aumentaram seu valor na pandemia. Outras, perderam. É importante saber qual o ganho ou qual a perda nesse momento? A...

    Pré Auditoria

    A Profiting, utiliza o serviço de Pré Diligência, como procedimento básico para qualquer negociação de venda de uma empresa cliente. Com foco...

    Últimas Notícias

    Maersk quer crescer no Brasil e mira aquisições na logística terrestre

    A dinamarquesa Maersk, maior empresa de logística integrada do mundo, está de olho no mercado brasileiro e...

    BR Malls estuda combinação parcial de negócios com Ancar

    A BR Malls informou nesta segunda-feira que realiza estudos preliminares sobre uma possível combinação parcial de negócios...

    Veja outras matérias