quinta-feira, setembro 23, 2021
Outros

    ‘Sou Sócia’

    Em Destaque

    Lojas Marisa amplia atuação em e-commerce e aposta em vendas diretas

    A crise econômica gerada pela pandemia tem sido devastadora para milhões de brasileiros, que perderam seus empregos ou foram afetados de alguma forma em sua jornada de trabalho. Para ajudar essas pessoas a retomarem suas vidas gradualmente, a Marisa, rede varejista de moda feminina, lançou a plataforma de venda digital “Sou Sócia”, válida para todo o país.

    A ferramenta oferece a possibilidade para qualquer pessoa se tornar vendedor do portfólio de produtos da empresa. Todo o processo ocorre de forma virtual, ancorado pelo e-commerce da rede. Além do apoio com a oferta de renda extra para os participantes, a iniciativa também visa trazer novos clientes para o canal de vendas online da varejista.

    O projeto é uma das iniciativas do “Movimento volta por cima”, com foco na retomada da autoestima e da confiança da mulher. “Queremos estar mais presentes e impactar positivamente a vida das pessoas, especialmente neste momento difícil pelo qual estamos passando. A escolha pelo investimento em mais uma plataforma digital aconteceu de maneira natural, porque esse modelo de negócio está cada vez mais alinhado com as transformações do comportamento do consumidor e com as estratégias de retomada da empresa, além de possibilitar aos participantes o aumento da geração de renda sem precisar sair de casa”, destaca Marcelo Pimentel, CEO da Marisa.

    Para ajudar as sócias a incrementarem suas vendas, a Marisa disponibiliza na plataforma um material com o passo a passo do cadastro e de como começar a vender. Estão previstos também treinamentos de moda e tendência, webinars sobre técnicas de venda e lives para explicar processos e o uso da ferramenta, além de posts exclusivos com promoções e novidades.

    Para participar do “Sou Sócia”, é necessário ser maior de idade, ter CPF e acesso a uma conta bancária. Para acessar a plataforma e começar a se beneficiar da ferramenta, basta criar um usuário no portal “Sou Sócia Marisa”. Ao se cadastrar, o sistema vai fazer uma avaliação dos dados e em até 48h o usuário receberá um e-mail com orientações para concluir sua participação no programa. Essa análise é feita via sistema da japonesa Rakuten, especializada nesta modalidade de sistema.

     Como funciona o Sou Sócia

    Todos os pedidos da plataforma acontecem no próprio e-commerce da Marisa. Porém, para que a venda do site seja atribuída à sócia, é preciso que o participante compartilhe com a sua rede de contatos – via Whatsapp e redes sociais –  o link criado no site com a URL personalizada com seu ID de usuário ou das ofertas com o seu código de vendedora. Quando o cliente entra no site pelo link personalizado, ele navega normalmente e pode comprar qualquer produto disponível no e-commerce. Toda compra efetuada tem as mesmas formas de pagamento, envio e entrega do site.

    A comissão da plataforma “Sou Sócia” será de 5% em relação ao total da venda realizada no mês e faturada no site. A sócia ganha a comissão das vendas efetuadas somente pelo link personalizado, uma vez que o sistema precisa identificar o código da associada para atribuir a venda a ela. A plataforma também realiza todos os processos de pagamento, entrega, frete e cálculo de comissão, além de administrar toda a parte burocrática, operacional e contratual envolvida no projeto.

    Fonte: https://startupi.com.br/2020/05/lojas-marisa-amplia-atuacao-em-e-commerce-e-aposta-em-vendas-diretas/

    Fusões e Aquisições

    Últimas Notícias

    Conheça a startup que vale 8,7 bilhões de dólares vendendo carros usados

    Não faz dois meses que a Kavak – unicórnio mexicano para compra e vendas de carros seminovos – veio...

    Sem conseguir vender ativos, Saraiva corre risco de ter falência decretada

    Sem conseguir vender ativos, como pontos de lojas e seu domínio na internet, para ganhar fôlego para pagar seus...

    Veja outras matérias