terça-feira, setembro 22, 2020
Outros

    Trump diz que vai ‘negociar’ terceiro mandato nos EUA porque ‘é seu direito’

    Em Destaque

    Brasil recebe cota adicional para vender 80 mil toneladas de açúcar aos EUA, diz Bolsonaro

    O presidente Jair Bolsonaro anunciou em rede social, nesta segunda-feira (21), que o Brasil vai receber uma...

    Vulcabras fecha acordo com Alpargatas para comprar operação da Mizuno no Brasil

    A Vulcabras fechou acordo com a Alpargatas para a compra da unidade de negócio relativa à operação...

    Mercado eleva estimativa para inflação em 2020 pela 6ª vez

    O mercado voltou a elevar a expectativa para a inflação este ano em meio às renovadas preocupações...

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que pretende “negociar” para disputar novamente as eleições em 2024 caso seja reeleito em novembro, quando vai disputar a reeleição contra Joe Biden, do partido Democrata.

    Foi a segunda ameaça em algumas semanas por parte do Republicano de tentar driblar a regra da Constituição do país que impede que um presidente fique mais de oito anos no poder.

    Durante um comício em Minden, em Nevada, no sábado (12), Trump afirmou que vai vencer o pleito daqui a dois meses e que também terá a maioria de votos naquele Estado, onde perdeu por pouco em 2016.

    “Depois disso, vamos negociar”, afirmou, completando que “provavelmente tenho direito a mais quatro [anos] depois disso”, graças “ao modo como fomos tratados”.

    As afirmações repetiram comentários de Trump em agosto, em um comício em Wisconsin durante o qual afirmou que ia vencer a reeleição e “[depois] concorrer a mais quatro anos”, porque “eles espionaram minha campanha”, em provável referência à teoria conspiratória – jamais comprovada – segundo a qual o partido Democrata teria acessado dados de sua campanha, conhecida entre ultraconservadores como “Obamagate”.

    Os comentários de Trump vão de encontro à forte noção republicana nos EUA segundo a qual nenhuma pessoa pode comandar o país durante mais do que oito anos.

    Essa regra foi iniciada por George Washington e respeitada, na forma de uma tradição, por todos os presidentes que o sucederam até 1933, quando assumiu o poder Franklin D. Roosevelt, que, no contexto da Segunda Guerra Mundial, foi reeleito para um terceiro mandato e, depois, para um quarto (ele morreu em 1945, dois meses após assumir esse último termo).

    Temerosos com a ideia de perpetuação de uma pessoa no poder, os parlamentares do país aprovaram, em 1947, a famosa Emenda 22 à Constituição, que passou a valer em 1951 e, desde então, proíbe alguém que já tenha sido eleito duas vezes de concorrer de novo.

    Não é brincadeirinha, diz ex-aliado

    Segundo a revista americana “Forbes”, Michael Cohen, ex-advogado pessoal de Trump que se tornou um crítico do Republicano após ser preso e processado em uma das muitas investigações sobre o patrimônio do presidente, afirmou nesta segunda-feira que as afirmações do Republicano não deveriam ser contemporizadas como se fossem piadas.

    Segundo ele, Trump de fato acredita que deveria ser o “guia” ou o “ditador” dos EUA, e tem planos concretos para tentar alterar a Constituição do país, sob inspiração de figuras como o presidente da Rússia, Vladimir Putin.

    Cohen previu ainda que, caso Trump vença a reeleição, “ele vai desde o primeiro dia começar a pensar em como mudar a Constituição para permitir um terceiro mandato, e, depois, um quarto”.

    Ainda segundo a “Forbes”, nem a campanha de Trump nem a Casa Branca responderam a pedidos da revista por esclarecimentos.

    Fonte: Valor Investe

    Serviços

    Buscamos Empreendedores para parcerias.

    Foto: Moyses Samuel, Presidente do grupo Profiting. Estamos selecionando empresários, em âmbito nacional, que possuam negócios que precisam ser...

    Recuperação de tributos próprios

    Sua empresa pode melhorar o fluxo de caixa se houver créditos tributários nos últimos 5 anos.

    Há sempre possibilidades de melhorias

    "O Brasil possui excelentes profissionais de consultoria. Nesta crise é necessário muita dedicação na busca de soluções para os problemas. Em situações...

    Quanto a minha empresa perdeu de valor na Pandemia?

    Algumas empresas aumentaram seu valor na pandemia. Outras, perderam. É importante saber qual o ganho ou qual a perda nesse momento? A...

    Pré Auditoria

    A Profiting, utiliza o serviço de Pré Diligência, como procedimento básico para qualquer negociação de venda de uma empresa cliente. Com foco...

    Últimas Notícias

    Magazine Luiza e Sebrae vão expandir parceria que qualifica pequenos negócios para atuar em e-commerce

    O Magazine Luiza (MGLU3) e o Sebrae vão expandir a parceria para todo o país. Atualmente com...

    Creditas entra na briga pelo mercado de benefícios corporativos

    O mercado de benefícios corporativos ganha um competidor de peso nesta segunda-feira, 21. A fintech , conhecida...

    Veja outras matérias