segunda-feira, janeiro 25, 2021
Outros

    Varejo farmacêutico online bate recorde

    Em Destaque

    Com aporte de R$ 4 mi, startup Vidia tenta ampliar o acesso a cirurgias particulares

    Na última década, startups brasileiras se lançaram no mercado tentando resolver questões relacionadas à saúde, como prevenção,...

    Ranking dos setores mais ativos em fusões em aquisições no Brasil – 2013 a 2020

    Dinâmica dos setores mais ativos em M&A  – Período 2013 a 2020. No gráfico interativo pode-se verificar as mudanças...

    ONU alerta para queda de investimento estrangeiro em países em desenvolvimento

    Os fluxos de Investimento Estrangeiro Direto (IED) “permanecerão moderados” em 2021 e os países em desenvolvimento poderão...

    A operação de e-commerce vem se consolidando como uma das âncoras do varejo farmacêutico durante a pandemia.

    De acordo com indicadores da IQVIA, as vendas por canais virtuais avançaram 131,7% em abril na comparação com o mesmo mês do ano passado. Com o resultado, a consultoria já projeta crescimento geral de quase dois dígitos para o setor em maio.

    Ao longo do mês de abril, as farmácias e drogarias comercializaram 5,5 milhões de unidades por meio de e-commerce, contra 2,4 milhões de abril de 2019. A evolução foi de 26% em relação a março de 2020, que totalizou 4,3 milhões.

    A maior contribuição para esse movimento partiu dos medicamentos isentos de prescrição (MIPs) e dos produtos da divisão de Consumer Health, que computaram 3,4 milhões de unidades. Entre os itens mais procurados no período figuraram artigos para higienização das mãos, termômetros, sabonetes, seringas e agulhas.

    Crescimento estimado de quase dois dígitos em maio

    Os números de abril sustentam as perspectivas de um faturamento geral de R$ 11,53 bilhões para o varejo farmacêutico em maio. Os valores, que já consideram o desconto entre a distribuição e o ponto de venda, seriam 9% superiores aos do mesmo mês de 2019.

    Os MIPs e os produtos de higiene pessoal deverão ser as principais categorias responsáveis pelo resultado, com receita estimada em R$ 2,36 bilhões (avanço de 12,8%) e R$ 1,74 bilhão (15%), respectivamente. Somadas, essas áreas respondem por 36% do volume de negócios.

    Fonte: Panorama Farmacêutico

    Serviços

    Profiting faz Road Show para captar 20 Milhões.

    O recurso será investido em empresas associadas visando crescimento em vendas e aumento de produção. O mercado de aquisições...

    Buscamos Empreendedores para parcerias.

    Foto: Moyses Samuel, Presidente do grupo Profiting. Estamos selecionando empresários, em âmbito nacional, que possuam negócios que precisam ser...

    Recuperação de tributos próprios

    Sua empresa pode melhorar o fluxo de caixa se houver créditos tributários nos últimos 5 anos.

    Há sempre possibilidades de melhorias

    "O Brasil possui excelentes profissionais de consultoria. Nesta crise é necessário muita dedicação na busca de soluções para os problemas. Em situações...

    Quanto a minha empresa perdeu de valor na Pandemia?

    Algumas empresas aumentaram seu valor na pandemia. Outras, perderam. É importante saber qual o ganho ou qual a perda nesse momento? A...

    Últimas Notícias

    Oi: Digital Colony fez proposta por rede de fibra diretamente, sem Highline

    Na disputa pela InfraCo, rede de fibra da OI, o fundo Digital Colony, que no Brasil é...

    Uma gigante de olho nas PMEs: como a Intuit quer crescer 100% ao ano até 2025

    Fazer gestão financeira no país que mais demanda tempo para pagar impostos é uma tarefa complicada. Para...

    Veja outras matérias