sexta-feira, maio 20, 2022
Outros

    A consolidação da Mater Dei por meio de M&As

    CEO da Profiting Consulting

    Em Destaque

    Moyses Samuel
    Moyses Samuel
    CEO da Profiting

    Segundo o BTG Pactual, a rede de hospitais Mater Dei de Minas Gerais está desenvolvendo um belo histórico de consolidação no mercado por meio de sua estratégia de M&A e possui um negócio resiliente e estável em um ambiente macro incerto. Além disso, a avaliação da empresa é barata em comparação com outras consolidadoras.

    A Mater Dei anunciou na última quarta-feira a aquisição do Hospital Premium de Goiânia por 250 milhões de reais, pagando 1,6 milhão de reais por leito, a quarta aquisição da rede nos últimos seis meses. Nesse período, adquiriu o Hospital Porto Dias, em Belém, Pará e o Hospital San Genoviva, em Uberlândia, Minas Gerais, além da A3Data, empresa de tecnologia para aplicações em saúde . Essas aquisições somam cerca de 2 bilhões de reais.

    Enquanto outros movimentos podem ser limitados por seu balanço, todos os olhos estão agora na estratégia da empresa para consolidar esses ativos.

    A Mater Dei vê em Goiânia um grande potencial, pois a região carece de hospitais gerais de primeira linha para atender a demanda e a presença de operadoras de saúde é muito baixa.

    Assim, o Mater Dei pretende se tornar referência nesta capital, transformando o Premium em um hospital geral de primeira linha, ampliando seu número de leitos e atraindo médicos e profissionais de saúde para a região. Mesmo com o balanço esticado. Além disso, a empresa não tem planos de interromper sua agenda de fusões e aquisições e está em negociações avançadas com pelo menos outros dois potenciais alvos.

    Fusões e Aquisições

    Últimas Notícias

    Energia solar global dobra em três anos e chega a 1 terawatt

    A fonte solar acaba de ultrapassar a marca de 1 terawatt (TW) de potência instalada e pode dobrar em...

    Tesla deixa índice ESG e Musk diz que tema ‘é uma farsa’

    A Tesla (TSLA34) deixou de integrar o índice S&P 500 ESG, o que ocorreu “por falta de uma estratégia...

    Veja outras matérias