quinta-feira, setembro 23, 2021
Outros

    Provável final feliz da fusão Unidas-Localiza e bancos realizando novas aquisições são destaques no mercado de M&A

    CEO da Profiting Consulting

    Em Destaque

    A semana de M&As começou morna devido ao feriado de 7 de setembro, mas logo trouxe um rumor que animou o mercado:  o CADE deve aprovar a fusão entre Localiza e Unidas com restrições menores do que as previstas anteriormente.  Outro ponto de destaque foram as aquisições feitas pelos bancos Modalmais e Itaú. Confira abaixo os highlights da mercado de fusões e aquisições nos últimos dias.

    Mercado vê restrições mais leves que o esperado na fusão Localiza e Unidas

    A Superintendência-geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) emitiu parecer na noite de segunda-feira em que recomenda ao órgão antitruste a aprovação da fusão entre a Localiza e a Unidas, mas com restrições e venda de ativos.

    A compra da Unidas pela Localiza foi anunciada em setembro de 2020 e desde então está pendente de aprovação junto ao Cade.

    Veja mais: Cade recomenda que união de Localiza e Unidas seja feita com restrições

    Itaú anuncia aquisição da Emergee

    O Itaú Unibanco anunciou a aquisição da Emergee, consultoria paulistana especializada em métodos ágeis, em um acordo conhecido como acqui-hiring, quando uma companhia compra outra para contratar seus funcionários.

    O valor e os termos da transação não foram revelados pela companhia.

    Veja mais: Itaú compra Emergee

    Modalmais compra a ‘1Bilhão Educação Financeira’ e a ‘VaiVoa’

    O Banco Modalmais anunciou a aquisição de 100% do capital social da Hum Bilhão Educação Financeira, portal de notícias e educação financeira para varejo, e da VaiVoa Educação, uma academia de excelência em tecnologia focada na capacitação de profissionais de tech para o mercado financeiro.

    Veja mais: Modalmais compra a ‘1Bilhão Educação Financeira’ e a ‘VaiVoa

    Dimensa deve realizar aquisições em breve

    O CEO da Dimensa, Denis Piovezan, um tarimbado executivo que passou por Linx, Walmart, Banco Ibi e Losango, está fechando os nomes de alguns executivos que vão comandar postos-chave e, ao mesmo tempo, prospectando oportunidades no mercado. “Vamos deixar a empresa pronta para ser independente e abrir o capital em um curto espaço de tempo”, diz Piovezan.

    “Estamos com targets mapeados e temos um time de M&A já olhando e conversando com esses targets. O foco é agregar aos nossos produtos e serviços, com foco em crescimento”, diz o executivo. O foco está em empresas B2B para a indústria de serviços financeiros.

    Veja mais: Na Dimensa, só falta o sinal verde para o início de uma onda de M&As

    Fusões e Aquisições

    Últimas Notícias

    Conheça a startup que vale 8,7 bilhões de dólares vendendo carros usados

    Não faz dois meses que a Kavak – unicórnio mexicano para compra e vendas de carros seminovos – veio...

    Sem conseguir vender ativos, Saraiva corre risco de ter falência decretada

    Sem conseguir vender ativos, como pontos de lojas e seu domínio na internet, para ganhar fôlego para pagar seus...

    Veja outras matérias